AllexInCasa: pra quem sempre volta pra casa

Just another WordPress.com site

Tea for two

with 12 comments


E no último fim de semana rolou petit comitê no chateau do fofíssimo Sergio Germano, amigo gente fina que deixa a gente tão à vonts que nem dá vontade de ir embora.

Sergio e Jamil acabam de voltar de um périplo pela Europa, com escala na Turquia, de onde voltaram com excesso de coisa boa na bagagem. Entre almofadas bordadas, tapeçarias das mil e uma noites, passamanarias penduradas aqui e acolá, o que mais chamou a minha atenção foi o copinho de chá aí em cima (seria uma xícara?), estilizado com bossa em referência à tulipa (flor-símbolo daquele país). Note que o cristal, finíssimo, é serpenteado por um desenho floral em fio de ouro. Tão delicado que não resisti e acabei colando aqui…

Como me empolgo fácil com o assunto, faço na seqüência uma colagem de louças e acessórios que deixam qualquer coofee breake com cara de banquete da realeza… Coisa de quem não é lá muito fã do quase unânime cafezinho e acabou virando um amante inveterado dos chás.

Embora tenha escrito muito acerca do tema, vez ou outra me permito algumas heresias – vivo inventando infusões com frutas, sementes, mix de ervas e afins. Experimente, por exemplo, mergulhar uma colher generosa de polpa de maracujá, um pauzinho de canela e dois ou três cravos em água quente: tudo de bom nessa vida, principalmente antes de dormir. Outra digna do baú da Palmirinha: chá preto com uma fava fresca de baunilha.

Nem Alice no seu País das Maravilhas escapou do chá das cinco, apresentado para ela com toda a pompa e circunstância da Rainha de Copas. Se o chá era preto, verde ou apenas uma infusão de ervas, a fábula não conta. Mas a história que lembra a rotina bretã começa em algum capítulo do ano 2.800 antes de Cristo, do outro lado do mundo. Reza a lenda que o imperador Shen Nung, à sombra de uma árvore, fervia sua poção de todos os dias – na China antiga era comum destilar a água salobra na fogueira – quando surpreendeu-se pelo aroma que evaporava com algumas folhinhas que caíram acidentalmente na cerâmica. Seduzido pelo cheiro, arriscou experimentar o elixir, mesmo correndo o risco de ser envenenado. Quase morreu, mas de amores pelo sabor. Era a gênese do chá, uma vez que Sua Alteza fez daquilo um hábito, introduzindo-o em seu séquito.

Saindo deste meu momento Barsa direto para a vida prática, já encomendei um aparelho parecido com o do Sergio a uma amiga que está em vias de carimbar o passaporte em terras turcas.
Dica colher-de-chá que vou dividir com vocês: quando minhas xicarazinhas chegarem, elas vão ganhar um lugar mesmo é no bar, para fazer bonito muito além das cinco da tarde. Já pensou que chique servir licor e vinho do porto nelas?

Hoje rolou uma preguiça e não tem legenda, mas se você quiser sair atrás de alguma dessas louças, me conta que eu te dou o serviço completo.

Anúncios

Written by AllexInCasa

junho 18, 2008 às 12:56 am

Publicado em Sem categoria

12 Respostas

Subscribe to comments with RSS.

  1. a quem posso interessar a
    Mariage Frères tem os vendedores mais lindos de Paris , sai de la sabendo tuuudo sobre o assunto e tenho cha’ ate hoje em casa , babado…

    Franciso

    junho 18, 2008 at 2:24 am

  2. amo chá/// e com esse friozinho entao… lindo post.

    Leda

    junho 18, 2008 at 11:39 am

  3. Adorei as fotinhos! Quero uma peça (rs).

    Beijos

    Ana Lúcia

    junho 18, 2008 at 4:00 pm

  4. amo chá, Allex. Pede pro seu amigo me convidar da próxima.

    sucesso.

    Vera

    junho 18, 2008 at 4:28 pm

  5. Lindo como tudo o que vem de vc.

    saudades da vizinha…

    bjs

    Dora

    junho 18, 2008 at 10:20 pm

  6. é isso aí… vou te mandar uma foto muito legal de porcelanas.

    paulomathieu@yahoo.c

    junho 18, 2008 at 10:51 pm

  7. Vem tomar chá aqui em casa. Mas traga as xícaras.

    beijao da Teté

    Teresa

    junho 19, 2008 at 1:32 am

  8. e o chá de cogumelo?

    Papai Smurff

    junho 19, 2008 at 1:36 am

  9. show de bola. mas a temperatura ja subiu, hein… kkkkk

    Alessandra

    junho 19, 2008 at 2:14 pm

  10. chazinho sem hora para acabar… faça frio ou faça chuva.

    Jorge

    junho 19, 2008 at 6:05 pm

  11. Oi, querido. O post ficou hiper bacanat!!! Com direito a foto do famoso copinho de chá… quem diria!?!?! Turquia é tudo de bom mesmo! Já vi que você encomendou os seus… aproveita e pede uns pacotinhos de chá de maçã também. Não é o mais típico, mas é uma delícia!!! Ótima semana.

    Sergio

    junho 23, 2008 at 8:47 pm

  12. Gente, eu quero todas lá em casa, ok!!!!
    Bjús,

    Ana Paula Nogueira

    junho 23, 2008 at 11:07 pm


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: