AllexInCasa: pra quem sempre volta pra casa

Just another WordPress.com site

Profissão Grafiteiro

with 9 comments


Alguém aí assistiu o Profissão Repórter ontem? À caça dos “mistérios do mundo subterrâneo”, a molecadinha esperta do Caco Barcellos deu com o Zezão grafitando uma galeria de esgoto em algum canal enterrado na paulicéia desvairada… Baratas à parte (argh!), muito legal ver um totem dessa tribo batuta emergindo à superfície, com direito a boom na Globo, capa da última Revista da Folha, matérias especiais na Casa Vogue, na Bravo!, expos mundo afora e por aí vai.

Em missão-profissa, sexta-feira passada baixei de novo lá na Choque Cultural e notei que a galeria só fez melhorar com o tempo. Já faz quatro anos que eles abriram alas para a arte urbana na Paulicéia, convidando para entrar pela porta da frente diferentes expoentes da street art, originalmente uma cultura de protesto inspirada na clandestinidade dos muros barra-pesada lá do Bronx, nos EUA. Agora, depois que essas feras cresceram e ganharam eco em mostras nacionais e internacionais (como tá rolando agora no Santander Cultural e lá na Tate, de Londres), tá todo mundo de olho no traço deles – não à toa, o Kassab se redimiu com os osgemeos, convidando os meninos a redesenhar os muros apagados pela sua prefeitura desavisada. Sem falar naquele outro sujeito que pixou a Belas Artes para “discutir arte”: perdeu a vaga na facu, mas ganhou todos os holofotes na mídia.

Tocada por Baixo Ribeiro e sua esposa Mariana Martins (filha do Aldemir Martins, diga-se de passagem), junto com o sócio Eduardo Saretta, a Choque faz a cabeça dos moderninhos e atrai um contigente cada vez maior de críticos, colecionadores e consumidores, uma vez que democratiza o acesso à produção artística – com R$ 60 e algum faro, dá para sair de lá carregando um trabalho do balacobaco (meu consumo do dia, uma gravura ma-ra-vi-lho-sa by Rafael Highraff, saiu por parcos R$ 150).

O lugar é todo cult: uma casinha antiga de Pinheiros, com 150 metros quadrados divididos em três andares abarrotados de pôsteres, pinturas originais e gravuras de Speto, Zezão (agora global, rs), Titi Freak, Daniel Melim, Silvana Mello, Carlinhos Dias, entre outros tantos. A idéia é bombar a galera que agita o circuito, antenar os iniciados e situar os calouros no tempo e no espaço, com mostras relevantes. Como a expo Pop Revisitado, que rola por lá até o fim de agosto, com 20 trabalhos geniais do inglês Gerald Laing, 73 anos, decano da turminha de Andy Warhol e Roy Lichtenstein, que veio ao Brasil pela primeira vez. “Queremos mostrar que a Pop Art dos anos 60 tem tudo a ver com a Cultura Pop atual. Convidamos o Laing, um dos mais importantes artistas ingleses, para mostrar sua novíssima série. Contrapomos ainda uma coletiva de artistas jovens para mostrar o quanto os ideais daquela época e de hoje têm em comum”, diz o pessoal da Choque.

Laing, por exemplo, continua fiel à sua ideologia sessentista, quando pintava imagens reticuladas tal e qual na cultura dos quadrinhos, explorando temas como a Guerra do Vietnã e as curvas de Brigitte Bardot. O que se vê na Choque hoje é um Laing em plena forma, com pinceladas que retratam a Guerra do Iraque, a plástica de Kate Moss e outros temas atualíssimos. Cacofonias à parte, acho que a tela mais cara do cara orbitava na casa dos R$ 3 mil – sorte (ou revés) que o meu cartão tava estouradão, pq a tentação foi grande.

Nessa vibe de linkar ontem e hoje, as três primeiras imagens que abrem esse post são dos brasucas Nunca, Ise e Flip, editadas pela Tamara Emy, minha web designer do coração, antenadona com esse movimento. As outras, superpops, são do Laing. ‘Bora’ tomar choque!

Anúncios

Written by AllexInCasa

julho 30, 2008 às 7:39 pm

Publicado em Sem categoria

9 Respostas

Subscribe to comments with RSS.

  1. hmmm… adooooro casa vogue barbarizando!!!

    tamara

    julho 30, 2008 at 10:41 pm

  2. Acredito que todo tipo de arte é válida, dos esgotos às galerias… É bom saber que muitos tantos também pensam assim. Afinal, o que há de mais moderno do que grafitar ao lado de baratas? rs

    Parabéns por seu trabalho! Beijos,
    Renata

    Renata

    julho 30, 2008 at 10:57 pm

  3. Ótimo post,

    Afinal perceber que a mídia está voltando seus holofotes para a arte de grafitar, é uma maneira também da sociedade se expressar através dos grafites que cosneguem representar por meio da arte situações (problemas) atuais com mta criatividade e mto senso de humor !!!

    Parabénss pelo resultado da revista.

    Bjoss.

    Juliana

    julho 30, 2008 at 11:32 pm

  4. Xará arrasando!

    Alex

    julho 31, 2008 at 12:48 am

  5. Post Sensacional! Parabéns!

    Só ficou faltando uma foto de um grafite da japonega, mas essas eu aposto que ela não te mandou.

    Beijos

    paulaqueiroz

    julho 31, 2008 at 8:51 am

  6. oi allex! arte é arte… e o grafite está provando que o seu lugar é mais do que merecido… lindas imagens! poderia estar em qq expo e seria um luxo! bjs e parabéns pelo post!

    Claudia Pimenta

    julho 31, 2008 at 9:38 am

  7. Allex, que máximo esse post!!!

    Adooro grafite..e não é de hoje!! Acho que esse reconhecimento demorou para acontecer..temos muitas coisa boas expostas pelas ruas.
    Toda manhã passo naquele Túnel que liga a Paulista a Rebouças e descubro alguma imagem que ainda não tinha visto e todas muito bonitas e sempre com uma mensagem bacana!!

    Parabénss a esses artistas!!

    bjs

    Francine

    julho 31, 2008 at 12:08 pm

  8. Um blog que se compromete a apresentar as boas novas do circuito do design, poderia ir além dos muros grafitados por gente que já atravessou o oceano – e cobra caro pra burro pra ilustrar um pedacinho de parede!!! Francamente!!

    Patrícia A4

    agosto 1, 2008 at 12:19 am

  9. Alex, aprovado com aplausos o incentivo e a divulgação, dos nossos artitas de muros !!!
    Viva a arte! Para quem valoriza e sabe o que é arte!
    Parabéns!
    Bjs
    Fabi

    fabiana

    agosto 5, 2008 at 7:37 pm


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: